Jaru: Vereador diz que TCE/RO não tem credibilidade alguma para julgar contas de prefeitos

Discurso de vereador repercute negativamente

O eloquente discurso que ligeiramente incitou a desarmonia e sugeriu a insubordinação entre as instituições públicas, repercutiu negativamente no meio político e social.

Representantes do legislativo municipal fizeram questão de destacar nesta terça feira (20) não pactuarem com a opinião de Carlinhos, defendendo um posicionamento mais respeitoso entre as instituições.

Leitores se manifestaram cobrando mais seriedade e embasamento nos pronunciamentos de seu representante no Poder Legislativo.

O discurso que poderá trazer consequências ao vereador, está sendo considerado o mais audacioso já proferido por Carlinhos, que em poucos meses no cargo, já coleciona diversos pronunciamentos acusatórios e contundentes.

Entenda

Para justificar seu voto contrário ao parecer do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia TCE/RO, que recomendou a reprovação das contas da ex-prefeita Sonia Cordeiro (PT) por impropriedades financeiras cometidas no exercício 2015, o vereador Antônio Carlos Bezerra popular Carlinho da Denisia, foi mais além, ele fez uso dos microfones da tribuna da Câmara de Vereadores na sessão ordinária desta ultima segunda feira (19), para atacar duramente a corte de contas, segundo o vereador o TCE/RO não tem credibilidade nenhuma para julgar contas de ex-prefeitos.

Carlinho afirmou não confiar no tribunal, justificando seu posicionamento no episódio ocorrido em março deste ano no estado do Rio de Janeiro, onde foram presos cinco conselheiros do TCE/RJ. “Com que moral um tribunal de contas determina que nos sigamos eles” declarou o edil. Se não bastasse a descredibilização atribuída ao órgão, Carlinhos ainda o desafiou “não tenho medo do Tribunal de Contas ele que pegue minhas contas e julgue”.